Você sabe o que é SRAG?

Você sabe o que é SRAG?

O uso de máscara e distanciamento social ainda precisam ser respeitados!

Mesmo com o avanço da vacinação, a pandemia ainda não acabou, e por isso temos que continuar com o distanciamento social, o uso de máscaras e álcool em gel.

Os dados mostram que a vacinação está ajudando a diminuir os casos mais graves, porém, neste momento a mutação do vírus é o que preocupa as autoridades. A variante Delta é altamente contagiosa e tem elevado o número de casos por Coronavirus.

De acordo com o site da Fiocruz, um estudo divulgado no dia 03.08.21, apresenta um aumento do número de hospitalizações de idosos com Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG por Covid-19, no inglês SARS ou Sever Acute Respiratory Syndrome) no Estado do Rio de Janeiro. A elevação do número de casos ocorre após cerca de quatro meses mostrando queda. A análise indica que, ainda assim, as faixas de 60-69 e 70-79 anos continuam em uma situação bem melhor do que a apresentada em picos anteriores. A preocupação maior é com a população de 80 anos ou mais.

A Fiocruz aponta que o cenário segue muito grave. Atenção encontra-se agora para a população com boa cobertura vacinal mas cuja efetividade é menor, que é a de idosos com 80 anos ou mais. Nessa faixa etária, somam-se alguns fatores agravantes. Entre eles, estão a transmissão comunitária ainda elevada, menor efetividade, maior tempo desde a segunda dose e possível efeito de perda de imunidade por conta da idade.

Para entender melhor o que é SRAG – Síndrome Respiratória Aguda Grave

De acordo com o site coronavirus.saude.mg.gov.br uma síndrome é definida como um conjunto de sinais e sintomas que podem ser gerados por várias causas diferentes. Após o processo de investigação dos sinais e sintomas e, ao descobrir a causa específica de uma síndrome, ela deixa de ser uma síndrome e passa a ser considerada uma doença.

Portanto, antes de fazer o exame de diagnóstico (teste rápido ou RT-PCR) ou identificar que uma pessoa teve contato com um caso confirmado, não é possível afirmar que sintomas de gripe ou de SRAG são necessariamente um caso de covid-19.

Se for um caso leve, considera-se que a pessoa apresenta a Síndrome Gripal, com suspeita de covid-19. Nos casos graves, considera-se que ela apresenta a Síndrome Respiratória Aguda Grave, com suspeita de covid-19.

Dentre as doenças que causam SRAG, estão as infecções dos pulmões (pneumonias) que podem ser causadas por vários microorganismos, como bactérias, vírus e até fungos. Entre estes microorganismos, está o novo coronavírus.

A SRAG é uma síndrome que pode ser causada por diversas doenças, inclusive pela covid-19 grave.

Clique aqui e leia a explicação completa sobre a SRAG de acordo com o site Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais.

IMPORTANTE!

Seja qual for a idade da pessoa, se apresentar alguns dos sintomas como: febre, dificuldade ou desconforto para respirar; sensação de peso ou pressão no peito; baixa oxigenação no sangue (saturação de oxigênio

Cuidados mais intensos como internação, isolamento e realização de testes para identificar a causa da SRAG serão efetivos quando tratados com antecedência e por especialistas.

Somos uma empresa especializada em cuidadores e babás, há mais de 15 anos no mercado. Acompanhamos a implantação durante a adaptação para que você e sua família se sintam seguros e confortáveis.

grupo cuidar

 

 

Fontes:
Fiocruz
coronavirus.saude.mg.gov.br

Leave a Reply

Your email address will not be published.